Comunicação

Notícias

VOLTAR
10/02/2020
Representantes do Instituto Ayrton Senna visitam a IMED

Por: Daniel Santos

() comentários

Há cinco anos, o Instituto Ayrton Senna e a IMED estabeleceram parceria para promover, através do programa Letramento em Programação, o desenvolvimento de habilidades, para estudantes das escolas públicas da região norte do Estado. Entre as aptidões trabalhadas no programa destacam-se: Fluência tecnológica, criatividade, resolução de problemas complexos e empreendedorismo, a partir do pensamento computacional. Em visita à IMED, os representantes do Instituto Ayrton Senna (IAS) alinharam, juntamente com Secretaria Municipal de Passo Fundo e InovaEdu-  Laboratório de Ciência e Inovação para Educação da IMED, o planejamento de ações para esse ano.

“O encontro em Passo Fundo consagra o bom trabalho, desenvolvido pelo Norte Gaúcho, na implementação do projeto Letramento em Programação. A reunião foi um marco de transição para um modelo de parceria em que o Instituto Ayrton Senna possibilita mais autonomia e protagonismo para a IMED e os municípios desenvolverem o projeto, consolidando assim um processo de crescimento e evolução, em que os maiores beneficiados são os estudantes”, declara Bárbara Menezes – representante do Instituto Ayrton Senna.

Para o coordenador de Extensão e Responsabilidade Social da IMED, Élvis Mognhon, a visita dos representantes do Instituto marcou a consolidação da parceria estabelecida no Projeto Letramento em Programação entre o IAS, a IMED e o município de Passo Fundo. “Na visão do IAS, a IMED e a Secretaria Municipal de Educação de Passo Fundo demonstram maturidade e consistência para dar passos e continuar evoluindo rumo ao licenciamento, processo esse que consiste em dar maior autonomia aos parceiros. A IMED comemora mais essa conquista, e pretende retribuir de forma muito responsável e consciente dessa prerrogativa”, declara Élvis.

Durante o encontro também foram discutidos os resultados conquistados no decorrer de 2019. “Para 2020, pretendemos ampliar as melhorias através do planejamento de ações, como a utilização de ferramentas que possibilitam mensurar a evolução das habilidades socioemocionais dos alunos, como criatividade, resolução de problemas e cooperação. Ou seja, a iniciativa vai além do desenvolvimento das habilidades computacionais, promove a educação integral”, aponta Julia Teston Machado - representante do InovaEdu.

“O Programa vem buscando seu espaço na comunidade. Começamos em 2016 com 79 alunos e, hoje, estamos com 1.600. É nítido o impacto na vida dos alunos e professores. Ou seja, o Município de Passo Fundo assumiu um compromisso com essa educação, por isso, os nossos professores com auxílio do IAS e InovaEdu participam das formações, recebem material de apoio. Estamos colhendo bons frutos e as nossas escolas, que aderiram tão bem ao programa, já estão ampliando o número de turmas”, relata a coordenadora pedagógica do Letramento Norte Gaúcho, Irani Roanei.

Participaram do encontro, o Secretário Municipal de Educação de Passo Fundo, Edemilson Brandão, Ivânia Campigotto Aquino (Coordenadoria de Inovações Educacionais) Leocir Thomé (Coordenadoria Pedagógica) Irani Roanei (Coordenadora Pedagógica do Letramento Norte Gaúcho) e João Martins (Responsável Técnico do Núcleo de Tecnologia Municipal). Do Instituto Ayrton Senna participaram Carlos Mandel (Líder da Especialidade de Distribuição), Natália Storace (Líder de Projetos) e Bárbara Menezes (Especialista em Distribuição). 

 

Instituto Ayrton Senna

Em 1994, meses após a morte do piloto Ayrton Senna, surgiu em São Paulo, a partir de uma iniciativa da família Senna, o Instituto que leva o seu nome. A organização possui o propósito de oferecer às crianças e jovens brasileiros oportunidades de desenvolver seus potenciais, por meio da educação de qualidade.

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia