Comunicação

Notícias

VOLTAR
08/01/2019
Professor Jean Von Hohendorff aborda o tema educação sexual em programas de rádio e TV

Por: Francine Tiecher

() comentários

O professor da graduação e do Mestrado em Psicologia da IMED Passo Fundo, Dr. Jean Von Hohendorff participou de programas de rádio e TV, abordando o tema “educação sexual de crianças e adolescentes”.

O docente, que pesquisa questões relacionadas ao assunto há 10 anos, esteve falando aos ouvintes da Rádio ABC, no Programa “Viver com Saúde”, e ainda participando do Programa televisivo “Band RS Mulher”.

Jean destaca que é muito gratificante ter a oportunidade de falar sobre o que se estuda em programas televisivos e de rádio, sendo essa uma forma de compartilhar informações acadêmicas com a comunidade em geral. “A educação sexual tem sido muito discutida nos últimos meses aqui no nosso país, isso porque há um projeto que visa proibir a sua realização em escolas. O que chama a atenção nesse debate e nessa discussão sobre educação sexual é que muitas pessoas que tem se posicionado contra a educação sexual em escolas, não sabem muito bem o que é educação sexual e, além disso, tem uma visão distorcida do que é a educação sexual. A educação sexual de forma alguma tem o intuito de ensinar crianças a fazer sexo, como muitas pessoas repetem por aí de forma errônea. A educação sexual tem como objetivo adaptar informações sobre sexualidade para crianças e adolescentes, de acordo com as faixas etárias. Então, para uma criança, o que se trabalha? Se trabalham as partes do corpo, se trabalham o cuidado e a higiene, se trabalham as diferenças de toques abusivos e não abusivos, tudo isso no linguajar específico, de acordo com o desenvolvimento da criança. Então, a educação sexual é uma das principais formas de prevenção da violência e de combate à violência, principalmente a sexual infantil, porque se a criança não tem conhecimento de quais toques são adequados ou não adequados, e um(a) adulto(a) acaba cometendo algum tipo de violência sexual, ela não tem parâmetro para conseguir fazer uma comparação e distinguir se aquilo é adequado ou não. Quanto menos a criança souber sobre o seu corpo e sobre interações que envolvem o seu corpo, mais desprotegida ela está. Então, poder falar sobre educação sexual em meios de comunicação tão abrangentes quanto esses em que estive, no rádio e na TV, é algo importante para se tentar levar para a população um pouco mais de conhecimento para fomentar esse debate sobre educação sexual”, frisa Jean.

Perdeu os programas? Confira na íntegra a entrevista concedida à Band RS Mulher, CLICANDO AQUI e saiba quais aspectos foram abordados em ambas as participações do professor nos veículos.

 

 

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia