Comunicação

Notícias

VOLTAR
24/03/2020
Professor inova e reverte taxa de evasão em disciplina

Por: Daniel Santos

() comentários

Amilton Martins foi premiado no concurso Professor Inspirador na categoria Ensino Hibrido

Na disciplina Desafio de Empreendedorismo ministrada para todos os cursos de graduação da IMED, o professor Amilton Martins faz com que as aulas vão além do tradicional. Como plataforma de estudos, o Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) serve também como ferramenta de comunicação.

É através do AVA que os estudantes precisam fazer pequenas entregas durante o semestre. “A avaliação também ocorre por meio do AVA. Eles recebem o feedback de todas as entregas. As entregas são parciais, ou seja, não é estipulada uma data até o final do semestre. A partir da segunda aula eles já começam a fazer as entregas dos planos de negócio, que é o nosso projeto. As entregas todas recebem feedback imediato. Aqueles que não entregarem já vão percebendo que estão perdendo o andamento da disciplina. Portanto, dá tempo de recuperar ainda”, relata o professor Amilton.

O professor percebe que a metodologia da aula fez com que houvesse um maior engajamento por parte dos estudantes. “Tínhamos uma taxa de evasão da disciplina relativamente alta, de 20% a 25%, e agora o panorama mudou, pois, as pequenas entregas, e a lógica de gamificação promovem o comprometimento com as atividades do dia a dia. Assim, não perdemos o andamento da disciplina. Como a aula acaba concorrendo com as diversas opções que os estudantes possuem na vida, como as plataformas digitais que vão desde as redes sociais até os serviços de streaming, o conteúdo precisa ser relevante para eles. Para isso é necessário ser muito prático e vivencial”, acrescenta.

Professor Inspirador
O concurso Professor Inspirador, idealizado pela Gerente Acadêmica da Instituição, Juliana Priscila Cardozo, contou com a participação de 23 projetos, que foram submetidos para avaliação do Comitê Acadêmico da IMED. Para concorrer, os professores tiveram que inscrever seus projetos em um dos pilares acadêmicos: Aprendizagem Ativa, Ensino Híbrido ou Educação Empreendedora. O Comitê Acadêmico que avaliou os materiais foi composto pelo Vice-presidente Acadêmico William Zanella, pela Diretora de Pós-Graduação Stricto Sensu e Pesquisa, Caroline Calice da Silva, pelo Diretor de Graduação, Luiz Ronaldo da Silva, pelo Diretor do campus Porto Alegre, Marc Deitos, pelo Gerente de Pós-Graduação Lato Sensu, Renato Luiz da Silva e pela Gerente Acadêmica, Juliana Priscila Cardozo.

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia