Comunicação

Notícias

VOLTAR
19/05/2020
Pacto Alegre reúne entidades para traçar ações de combate à pandemia

Por: Karen Vidaleti

() comentários

Encontro online mobilizou integrantes, entre os quais a IMED, na busca por alternativas para a superação e retomada pós-covid-19

O Pacto Alegre, movimento de articulação criado para transformar a capital gaúcha em um polo de inovação, estava para completar um ano de atividades quando a propagação da covid-19 levou governos e empresas a adotarem medidas de prevenção da doença, como o isolamento social. Nesta terça-feira (19), a Mesa Diretiva do Pacto Alegre voltou a se reunir, desta vez para debater o novo cenário diante da pandemia, traçar ações de combate ao vírus e alternativas para a crise. O encontro, que ocorreu por videoconferência, contou com a participação do presidente da IMED, professor Eduardo Capellari; do diretor do Campus Porto Alegre, professor Marc Deitos, e do conselheiro da Instituição Alfredo Fedrizzi.

Ao todo, cerca de 130 participantes acompanharam a reunião, representando as cerca de 80 entidades que integram o projeto. Segundo o prefeito Nelson Marchezan Júnior, o principal desafio é encontrar alternativas para superar a crise econômica e social causada pelo coronavírus. Diante dessa nova realidade, os projetos do Pacto Alegre foram reavaliados e reorganizados com foco na retomada da cidade após a pandemia. O chefe do Executivo Municipal também sugeriu que os encontros do Pacto Alegre passam a ocorrer mensalmente.

A reunião contou, ainda, com a presença do consultor espanhol Josep Piqué. Direto de Barcelona, ele enfatizou a importância de movimentos de articulação como o Pacto Alegre para a superação da pandemia. Além disso, sugeriu a criação de um fundo de apoio a empreendedores e startups, considerando que, por atuarem dentro de uma cultura ágil, terão papel essencial para a retomada. Na mesma linha, a presidente do Badesul, Jeanete Lontra, anunciou a criação de um projeto de crowdfunding (captação pública de recursos) para incentivo a startups.

Sobre o Pacto Alegre

Lançado oficialmente em novembro de 2018, o Pacto Alegre é uma proposta que reúne 85 entidades dos segmentos acadêmico, empresarial, de governo e da sociedade em busca de articulação e eficiência na realização de projetos transformadores e com amplo impacto para a cidade. O objetivo dos organizadores é criar condições para que a capital gaúcha se transforme em um polo de inovação, atração de investimentos e empreendedorismo, com o compartilhamento de recursos e parcerias com o poder público e a iniciativa privada.

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia