Comunicação

Notícias

VOLTAR
27/07/2020
Enfermagem da IMED Porto Alegre está sob a coordenação do professor Thiago Silva

Por: Karen Vidaleti

() comentários

Docente chega à instituição para conduzir o sexto curso de graduação presencial do campus

Mais novo curso da IMED no Campus Porto Alegre, a Graduação em Enfermagem está sob a coordenação do professor Thiago Silva. Enfermeiro, Especialista em Enfermagem em Urgências e Emergências Adulto e Pediátrico, Mestre em Enfermagem e Doutorando em Educação, ele assume a posição disposto a aprimorar cada vez mais os conhecimentos para compartilhá-los com os acadêmicos. “Quero contribuir com minha experiência enquanto enfermeiro e professor para, juntos, formarmos uma enfermagem que atue pela promoção da saúde, prevenção de doenças e cuidados essenciais aos pacientes em diferentes etapas de atendimento”, afirma.

O docente, que já lecionou na Faccat e Uniritter - onde também foi coordenador de curso -, lembra que 2020 foi definido como o Ano Internacional dos Profissionais de Enfermagem pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que lançou a campanha mundial Nursing Now. “Assumir o curso neste momento é muita felicidade e, ao mesmo tempo, uma grande responsabilidade, pois a enfermagem tem um importante papel no combate à Covid-19. Os enfermeiros(as) tornam-se atores principais dessa trágica pandemia", observa.

Além de contribuir para o desenvolvimento dos futuros profissionais de enfermagem, Thiago aspira ver a graduação em Enfermagem da IMED Campus Porto Alegre como referência em excelência acadêmica. Aos alunos, ele enfatiza que poderão contar com “um enfermeiro-professor apaixonado pela sua profissão, que irá se dedicar muito para o curso que escolheram, sempre com o foco na qualidade, na inovação, no empreendedorismo, na transparência e no ensino de excelência”.

Com experiência nas áreas de Segurança do Paciente, Enfermagem Pediátrica, Clínica Médica e Enfermagem Cirúrgica, Thiago também é membro da Rede Brasileira de Enfermagem Polo/RS e do Conselho Científico da ONG Prematuridade.com.

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia