Comunicação

Notícias

VOLTAR
17/04/2019
Caroline Calice da Silva é a nova Diretora de Pesquisa e Pós-Graduação Stricto Sensu da IMED

Por: Francine Tiecher

() comentários

Docente estará à frente de ações voltadas aos mestrados a ao desenvolvimento de investigações

 

A IMED entende que a articulação do ensino, pesquisa e extensão representa o diferencial em suas políticas educacionais, pois direcionam as Instituições de Ensino Superior para o desafio de reunir em suas atividades os requisitos de relevância, minimizando as desigualdades sociais e regionais, oportunizando a qualidade e a cooperação internacional e contribuindo para a difusão do conhecimento. Tais desafios são a base do desenvolvimento científico e tecnológico, colaborando para o dinamismo da sociedade.

Nesse sentido, a IMED passou a contar com uma nova Diretora de Pesquisa e Pós-Graduação Stricto Sensu. A partir desta quarta-feira (17/04), a docente Caroline Calice da Silva passou a integrar o quadro diretivo da instituição.

“Considerando a minha experiência em Gestão e Área Acadêmica e olhando para as responsabilidades da vaga, quando essa oportunidade surgiu, pensei que pudesse contribuir com a área do stricto sensu e resolvi me inscrever. Gostaria de agradecer esse novo desafio que me foi dado pela Presidência da IMED, bem como a confiança em mim depositada. Vou me dedicar ao máximo para fazer um bom trabalho, que vá ao encontro dos objetivos estratégicos da instituição. Para isso conto com o apoio de toda a equipe responsável pela área stricto sensu e pesquisa da instituição e demais departamentos”, frisa Caroline.

Bacharel em Biomedicina pela Universidade Feevale (2008), mestre em Ciência da Saúde (Neurociências) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS, 2011) e doutora em Ciências da Saúde (Neurociências) pela PUCRS (2015), Caroline atuou como researcher scholar na Yale University, além de atuar com pesquisa translacional e experimental, principalmente na área de neurociências e cultura celular. Atualmente, faz parte do corpo docente do curso de Medicina da IMED - Passo Fundo, atuando também na coordenação do internato. É membro do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) e do Comitê de Ética no Uso de Animais (CEUA) e coordenadora do Curso de Enfermagem. Além disso, atua como pesquisadora da Fundação Meridional.

Atualmente, a IMED conta com seis Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu (mestrado): Administração, Arquitetura e Urbanismo, Direito, Engenharia Civil, Odontologia e Psicologia.

 

**Foto: Francine Tiecher / Comunicação IMED

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia